Skip to content

O que é Scrapbook Digital? –

24/02/2012

O que é Scrapbook Digital?

Scrapbook digital tem a mesma finalidade que o scrabook artesanal, porém é feito em um computador.
É necessário: Fotos digitalizadas, programas de edição de imagens (Photoshop, fireworks, Photoscape, e outros..) e
também kits que contém papel, botões, fitas,, mas tudo digital!

Algumas pessoas imprimem as artes feitas no computador e montam um fotolivro, que possui capa dura e arte nas páginas.

Alguns termos utilizados no scrapbooking digital: 

Designer – Quem cria os kits, elementos, papers, alphas, etc;
Scrapper – Quem faz a montagem de páginas de scraps;
Sampler – São amostras dos produtos;
Freebies – Kits gratuitos;
CT – Creative Team, é um grupo de criação formado por scrappers que trabalha para designers com o objetivo de divulgar os kits, fazendo páginas de scrap;
CT Call – Chamada para seleção do grupo de criação;
Créditos – Informação da página de scrap, de quem é o paper, elementos, fontes, etc;
ABR – Ferramenta “Brush” nativa do Photoshop, são pincéis;
Action – São ações gravadas no photoshop, facilitam muito e tornam o trabalho mais prático e rápido;
Bow – São os laços;
Ribbon – São as fitas;
Cardboard – É o papelão, muitas vezes aparecem meio rasgadinhos;
Corners – São as cantoneiras, usadas para prender a foto;
Crumple – Efeito “Amassado”;
Doodles – Desenhos feitos a mão;
DPI – dots per inches (pontos por polegada) – Resolução de imagem para impressão;
Embellishment – São os enfeites;
Eyelet – Ilhós;
Fibers – Fibras;
Ric-Rac – São as sianinhas;
Flowers – Flores;
Stitch(es) – Costurinhas, alinhavos e bordadinhos;
Tag – São aquelas etiquetas em vários formatos e tamanhos, muito usadas para enfeitar os LOs, escrever pequenos journalings, com monogramas estampados etc;
Frame – Moldura;
Free Style – É um estilo de layout, sem definição prévia, não precisa ter estilo certinho;
Shabby – É o efeito envelhecido nos scraps, meio sujinho;
Journaling – É o texto do layout, pode ser uma música, poesia, ou frases que inventamos, também necessita de créditos;
Templates – Arquivo em formato PSD (Photoshop) formado por diversas camadas e usado para criar layouts;
LO – Layout, a nossa página de Scrap;
Mask – Máscara;
MP – Mensagem Privada;
PAP – Passo-a-Passo;
Paper Clip – Clipe para papéis;
Plugin – São programas que associados a outros (como o ps e psp) desempenham certas funções, o objetivo é a praticidade de obter resultados;
PPI – Points per Inch (pontos por polegada) – Resolução de imagem para tela do computador;
PS – Photoshop;
PSP – Paint Shop Pro;
Quick Page – É um layout semi-pronto, onde só é preciso colocar a foto e o journaling;
Scraplift – Lift significa copiar, no caso do scrap, é quando nos inspiramos em alguns layouts para fazermos os nossos, temos que dar os créditos dos lifts;
Sketch – É o esboço ou rascunho que criamos antes elaborar uma página. Nele definimos como ficarão dispostos títulos, fotos, journaling, enfeites etc. O mesmo sketch pode se usado como exemplo para diferentes páginas;
Tearing – Efeito “Rasgado”;
Tuto – Tutorial;
TOU – Terms of Use – São os termos de uso que acompanham os kits, nele poderemos saber o que podemos ou não fazer com os kits;
Wordart – São frases com toque artístico;

Alguns LO:

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: